MyTSP

Como podem as consultoras de recursos humanos ajudar as startups?

 

Hoje em dia, encontramo-nos num mercado laboral altamente competitivo e a melhor maneira de gerir talento é um dos principais desafios encontrados pelas empresas, tanto pelas multinacionais como pelas PME e Startups.

Por isso, ter um amplo conhecimento sobre a situação do mercado do trabalho em que nos encontramos é fundamental na hora de incorporar novos profissionais na empresa. Aqui é onde as empresas podem usar as consultoras de recursos humanos, já que conhecem o que está a acontecer na área de gestão de pessoas e em que direção se dirige a gestão de talento no futuro.

Nas startups não existe um departamento de recursos humanos próprio, que se vai a encarregar dos processos de recrutamento para a empresa. Normalmente, são os responsáveis de cada departamento que vão à procura do talento necessário para a sua equipa. É preciso esclarecer que o facto de não existir uma pessoa cuja sua tarefa principal seja recrutamento, não significa que este tipo de empresas não levam a gestão de talento a sério. Até pelo contrário, elas valorizam da mesma forma que as grandes empresas, ou até mais que estas, devido as dificuldades que têm ao atrair profissionais para os seus projetos.

Como podem as consultoras de recursos humanos ajudar as startups?

Por isso é muito importante, para o crescimento das startups, ter bem claro os valores precisos para atrair o melhor talento possível:
 

  • - Empatia: Quando entrevistas a um candidato, é importante ser transparente (informar em que situação se encontra a startup, da sua evolução, do investimento recebido, das possibilidades de crescimento) e ao mesmo tempo, mostrar interesse pelo entrevistado (conhecer os seus interesses, as suas principais preocupações, etc.)
  •  
  • - Flexibilidade: Hoje em dia, um dos aspetos mais valorados pelos trabalhadores é a flexibilidade: poder trabalhar desde casa, ter um horário de entrada flexível, etc.
  •  
  • - Compromisso: Ver que existe um compromisso tanto por parte dos empregados como por parte dos CEOs e cofundadores, é vital para um bom clima de trabalho.
  •  
  • - Inovação: Normalmente as ideias que dão vida às startups são inovadoras mas não te deves esquecer que à medida que esta cresce, o importante é seguir sendo inovadora, adaptar-se a mudança. Trabalhar numa startup que tem capacidade para inovar significa ajudar o profissional a crescer também.
  •  
  • - Solidariedade: Ser uma empresa que desenvolve ações de responsabilidade social corporativa, pode ser um elemento bastante atrativo para os candidatos. Apoiar ações de solidariedade produz uma visão positiva para os outros.
  •  

É preciso maximizar as características anteriormente comentadas já que apesar de ter algumas limitações, as startups oferecem benefícios que as grandes empresas não possuem (bom ambiente de trabalho, multifuncionalidade dos trabalhadores, possibilidades de crescimento rápido, etc.)
 

Também, é preciso ter em conta que neste tipo de pequenas empresas, o impacto produzido pela incorporação de novos membros na equipa é imediato (seja positivo ou negativo). Portanto, é muito importante fazer um bom processo de recrutamento para que o efeito seja positivo desde o primeiro momento e, por essa razão, a consultora de recursos humanos tem um papel fundamental no resultado final.
 

E cada vez mais há startups que decidem investir em serviços de consultoria de recursos humanos, por duas razões principais. Por um lado, o aumento da produtividade da empresa. Por outro lado, a melhoria frente a competição que cresce constantemente.

 Por estes motivos, as consultoras são as companheiras estratégicas dos empreendedores porque ajudam nos processos de desenvolvimento e gestão de talento.

Paula de Bueren | Marketing Specialist


Classificação: 1.8/5

COMENTáRIOS

UM COMENTáRIO


Seu nombre: *
Seu e-mail:
(Não se mostrará)
O seu comentario: *
Segurança: *

TALENT SEARCH PEOPLE S.L.
Placement agency Nº 9900000357
Veja ofertas